terça-feira, 3 de junho de 2014
                        
                                                      

Convergente, terceiro livro da trilogia Divergente, chegou ao Brasil já em março publicado pela editora ROCCO. O desfecho da série de Veronica Roth foi temida por muitos devido alguns boatos, mas garanto que mesmo sabendo deste spoiler não deixei de aproveitar a leitura.
Veronica traz em Convergente um entendimento muito maior sobre seus livros e faz com que muitas coisas fiquem claras, sem com que essas não fizessem falta anteriormente. 
Ela traz personagens do passado à história e surpreende não só leitores, como personagens. 

Dentre a trilogia, de um certo ponto de vista, foi o livro menos ativo, afinal, mostra a readaptação dos personagens em um novo ambiente em sua grande parte, mas por outro lado causa grande aflição nas horas de ação.

Já faz tempo que li Divergente e Insurgente, mas sinto que esse, apesar de tudo, foi meu favorito.

Tris e Tobias tem seus altos e baixos dentro do relacionamento e ambos devem tomar decisões próprias mas ao mesmo tempo pensar no companheiro com uma promessa de honestidade. No início da narrativa ficam desorientados em busca do entendimento de como será o rumo de suas vidas após a descoberta de que além de Chicago há cidades diferentes, um país e um planeta inteiro, antes desconhecido revelado pelo vídeo de Edith Prior em Insurgente.
É neste novo mundo que acabam por interferir na sociedade atual e conhecem uma maneira diferente de ver as pessoas, assim a descobrir que a sociedade por si só sempre será imperfeita, havendo uma separação de grupos, sejam facções ou não.

É impressionante a criatividade de Veronica em todos os capítulos, deixando-nos sempre com mais vontade do que vem a seguir. Alguns finais tristes nos deixam intrigados, mas vale a pena se aventurar junto com o essa multidão de fãs da série. 

Lembrem-se que o filme Insurgente já começou sua gravação, só resta esperar por mais uma adaptação muito bem feita assim como Divergente.

Espero que tenham gostado da resenha. Aproveitem a leitura e até o próximo post.


Um comentário:

Quem sou

Quem sou
Em setembro de 2013 comecei a escrever sobre livros, e desde então melhorei e mudei os assuntos abordados para muito além da literatura, como fotografia, decoração, culinária, moda, música e filmes. Curitibana, aos 14 anos, amo visitar confeitarias e cafés em boa companhia. Obrigada por visitar o blog, qualquer sugestão é muito bem vinda e aceita!

Redes Sociais

Twitter Youtube Pinterest Instagram Skoob

O que você procura?

Follow me on

Seguidores

Tecnologia do Blogger.